Revista Lubes em Foco
Stock Car bate recorde em coleta de lubrificante usado.
 Imprimir     Indicar para amigo
Com a parceria da Lwart Lubrificantes, a quantidade de óleo lubrificante usado que foi coletada durante a última etapa da Copa Caixa Stock Car, realizada no dia 7 de agosto, no autódromo de Interlagos, em São Paulo, foi a mais expressiva comparada às outras etapas deste ano.

A coleta faz parte de algumas iniciativas sustentáveis praticadas pela organização da prova e conta com o trabalho da Lwart, empresa especializada na coleta e rerrefino de óleo lubrificante usado, que participa da competição pelo segundo ano consecutivo.

Durante a Corrida do Milhão, como ficou conhecida esta etapa da prova, devido ao prêmio recebido pelo vencedor, foram coletados 700 litros de OLUC (Óleo Lubrificante Usado ou Contaminado). Na etapa anterior, no Rio de Janeiro (RJ), a coleta ficou em torno de 300 litros. A diferença na quantidade pode ser atribuída ao período de treinos, que na etapa São Paulo, foi mais extenso.

A parceria com a Lwart Lubrificantes prevê a coleta do óleo utilizado pelos carros durante todas as etapas e treinos da competição que vai até novembro, além da Copa Montana e Mini Challenge. Ela demonstra que a organização do evento está atenta e disposta a seguir corretamente a determinação da lei que diz que todo óleo lubrificante usado deve ser destinado ao rerrefino.

Cada etapa da prova contará com postos de coleta e profissionais treinados para recolher o óleo lubrificante usado. “Esta atitude reforça o compromisso com a sustentabilidade que vem crescendo no País e nos diversos setores da indústria”, avalia Thiago Trecenti, diretor geral da Lwart Lubrificantes.

Após a coleta, o óleo lubrificante usado passa pelo rerrefino na sede da empresa em Lençóis Paulista, interior de São Paulo. O processo transforma o óleo lubrificante usado em óleo mineral básico, uma das matérias-primas utilizadas na produção de óleo lubrificante.

O rerrefino é a única destinação legal para o óleo lubrificante usado e a Lwart Lubrificantes é a líder do setor no País, contribuindo com a coleta de 45% de todo óleo lubrificante usado disponibilizado para coleta no Brasil. O descarte inadequado deste material prejudica o meio ambiente, já que quando queimado, emite gases tóxicos e apenas um litro de óleo pode contaminar até um milhão de litros de água.